segunda-feira, 7 de abril de 2008



Vinícius de Moraes...


Ela é carioca, ela é carioca
Basta o jeitinho dela andar
E ninguém tem carinho assim para dar

Eu vejo a luz dos seus olhos
As noites do Rio ao luar
Vejo a mesma luz,
Vejo o mesmo céu,
Vejo o mesmo mar

Ela é meu amor, só viveu pra mim
A mim que vivi para encontrar
Na luz do seu olhar, a paz que sonhei

Só sei que eu sou louco por ela
E pra mim ela é linda demais
E além do mais,
Ela é carioca
Ela é carioca

Um comentário:

Akinogal disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.