sábado, 20 de dezembro de 2008

N a t a l

Hoje é sábado e o natal será na quinta-feira.

Ultimamente tenho passado a noite de natal com a família da minha namorada e o dia com a minha família.

Quando eu era pequeno (sim, um dia já fui pequeno) eu amava isso, esse tal "espírito de natal", nem tanto pelos presentes, mas pela família estar toda junta, meus primos, tios, todos juntos, comendo, rindo, brincando e em algumas vezes dormindo todos amontoados.

Hoje em dia a gente (na verdade, eu) compra um presente e quer fazer uma embalagem bonita, deixar bem bacaninha pra dar aquele impacto visual legal. Quando se é criança a primeira coisa que se quer é destruir, rasgar toda a embalagem pra ver o que se ganhou. Eu adorava isso, rasgar embalagens, tão gostoso quanto o presente em si. Hoje em dia, quando recebo um presente estou tão besta que tiro cada durex com cuidado pra não arrancar pedacinhos do papel da embalagem.

Gosto mais de dar presentes do que de ganhá-los. É bom ver o rosto e a expectativa da pessoa que está ganhando o presente, não é algo que conseguimos fazer sempre, tirar uma expressão diferente do rosto do presenteado.

Mas esse natal passarei sozinho em casa com meu pai. Minha mãe foi passar o final de ano com meu irmão na Espanha, e minha irmã ficou no Pará. A namorada vai passar no interior com a família dela. Eu trabalho na quarta e na sexta, então não dá pra sair. Vai ser um natal diferente, já estou me sentindo esquisito, melancólico, deprê. Mesmo sabendo que o motivo do natal não é essa farra desembestada de consumo, creio que eu ainda fique apegado a idéia de quando eu rasgava os papéis de presente. Por outro lado será um ótimo momento de reflexão, pensar no que realmente é esse renascer, o que em mim renasce.

No início dos anos 2000, não sei que ano exatamente, uns jovens judeus fizeram uma festa, uma balada na noite de natal, afinal eles não comemoram, no ano seguinte a festa bombou e apareceu um montão de gente e ultimamente a festa está cada vez maior, não só de judeus mas de "solitários", gente que não quer passar a noite de natal sozinho. Estranho isso, né? Li em algum lugar que essa é a época do ano que mais acontecem suicídios. A solidão acaba com o sujeito.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

STOMP



Muito, muito legal esse vídeo...

ah sim, tem que dar uma pausa no hino do tricolor ali do lado.

domingo, 7 de dezembro de 2008

São Paulo FC - Tricampeão Brasileiro 2006 2007 2008


H E X A C A M P E Ã O 1977 1986 1991 2006 2007 2008


Mais uma vez a já tradicional postagem de campeão brasileiro!

Depois de estarmos 11 pontos atrás do cavalo paraguaio gaúcho, viramos, abrimos 14 pontos e somos campeões brasileiros de 2008 da série A, da primeira divisão.

Parabéns meu TRICOLOR do coração! Parabéns Muricy, ótimo trabalho; parabéns Rogério, ótima liderança, valeu todos do elenco, valeu o esforço, parabéns!


Turminha da Libertadores:
Grêmio, que frustração hein? Deram o campeonato pra nós, por incompetência de vocês, simplesmente não aguentaram o tranco.
Cruzeiro, realmente não é um time de chegada, sempre esteve no G4, ainda bem que tropeçaram várias e várias vezes.

Suinada Nojenta, que rabo que tiveram dos urubus terem tomado uma saraivada hein? Nem pra ganhar do foguinho no chiqueirão...ah vá...

Sport, terminaram em 11 lugar, nem se esforçaram tanto assim depois de terem vencido a Copa do Brasil (em cima do curintia, hahahahahaa). Poderiam ter dado mais dores de cabeça.
Pois bem, nos veremos ano que vem na Libertadores.

Os que não fedem nem cheiram:

Flamengo, parabéns Caio Júnior você é bi quinto lugar. A pior das primeiras posições. E o cavalo paraguaio do Rio se afunda na reta final. Quem é esse tal de Obina mesmo?
Internacional, ainda bem que desistiram do brasileiro e se dedicaram à SulAmericana, tinha potencial pra chegar entre os três primeiros, mas não vingaram.
Botafogo, Goiás, Coritiba, Vitória e Atlético de Minas e o outro do Paraná, meros coadjuvantes, tirando pontos dos outros mas sem potencial pra chegar a lugar nenhum.

Fluminense, quem diria hein? Escaparam da degola... Depois que tomaram uma saraivada na final da Libertadores da LDU vocês murcharam, broxaram e perderam o ano. Sorte que apareceu o Renê Simões por ai...senão vocês estavam fudidos.
Peixe, que frustante ver vocês lá embaixo, se não tivessem o Kleber Pereira estariam na segundona ano que vem.

Náutico, ufa... que susto. Pensei que cairiam. Se safaram, ano que vem vocês caem.

Os rebaixados:

Figueirense, devem estar muito fodidos de raiva com o acesso do Avaí, né? Serão os representantes barriga verde na segundona ano que vem, já que o Criciúma foi pra terceirinha.

Vasco... Vasco. Pois bem. Dizem que time grande não cai. Conclui-se então que o Vasco não é mais time grande? A única coisa que gostei foi ver o orgulho, a arrogância do Renato Gaúcho indo por ralo abaixo a cada rodada que o time estava mais próximo da degola. E o Edmundo, o que falar do velhinho? Fico triste pela Carla, pelo Breno, pela Erica, pelo Waldemar e pelo Marcos, que são os vascaínos que conheço e sei que quem sofre é a torcida. Paciência, um ano de geladeira pra vocês (isso se fizerem a lição de casa direitinho).

Lusa... ai Lusa... sem comentários. A única coisa que presta no Canindé deve ser só a festa junina mesmo. (Ah, tem a galinhada ali do lado que dizem ser muito boa também).

Ipatinga, e ai gostaram da primeira divisão? Então, voltem pra segunda amadureçam e voltem outro dia, tá?

Os que subiram pra série A

Curintia... e ai gambás? Gostaram da segundona? hahahahahaha.

Avaí, belo time, bom trabalho do Silas, parabéns, vamos ver se aguentam ficar na primeira.

Santo André, me surpreendeu, bom trabalho do Marcelinho.

Grêmio Barueri, time novinho, já chegou na primeira, tomara que não seja um Ipatinga da vida... tem um belo estádio, time bem montado, ótima estrutura, lembra o São Caetano de anos atrás, vamos ver no que vai dar.


Subiram três paulistas, e pelo jeito que está ano que vem sobem mais... já já a série A vira um campeonato paulista de luxo com alguns convidados de outros estados.


São Paulo HEXA !

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

torcicolo

Ai, que preguiça de postar aqui. Sinto como uma obrigação vir aqui e trazer coisa nova. Mas estou sem criatividade e sem motivação pra ficar escrevendo aqui.

se é que alguém ainda lê . . .

vou escovar os dentes, rezar e ir dormir. tchau...